Social Icons

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

Polícia Civil prende membros de facção criminosa por tentativa de homicídio em Miranda do Norte/MA

 Blog do Alex Ramos

A Polícia Civil do Maranhão, por meio de uma ação conjunta das delegacia de Miranda do Norte, Arari e Vitória do Mearim, conseguiram prender 03 (três) suspeitos de integrarem uma facção criminosa internacional em razão dos mesmos, no dia 16/10/2020, por volta das 19h, terem tentado assassinar um jovem que pertenceria a uma facção rival, fato este ocorrido no Bairro Novo, nesta cidade de Miranda do Norte/MA.

Os presos são os nacionais: D. P. da S., 23 anos; T. da R. S., 20 anos e B. R. C. B, 19 anos, os quais, conforme as investigações, teriam planejado o assassinato de J. B. F., 20 anos, ficando vigiando a saída do mesmo de sua casa e em seguida, o perseguiram e realizaram 06 disparos de arma de fogo contra o mesmo, sendo que a vítima foi alvejada por 03 destes disparos, vindo a cair no chão, momento que os suspeitos teriam tentado acabar de mata-lo mediante coronhadas em sua nuca, tendo a vítima conseguido se levantar e invadir uma casa, onde os suspeitos então empreenderam fuga. 

Após o crime, dois dos suspeitos fugiram para a cidade de Arari, sendo localizados e presos na tarde de ontem nessa ação conjunta das delegacia acima citadas e, na manhã de hoje, o terceiro envolvido foi preso pela polícia civil no Bairro Conjunto Santa Barbara, nesta cidade de Miranda do Norte/MA.

Todos os 03 presos confessaram com riqueza de detalhes os fatos imputados aos mesmos, alegando possível conflito inerente a facções criminosas, uma vez a vítima pertenceria a uma facção rival.

Após as formalidades de praxe, os investigados foram encaminhados ao presídio de Itapecuru Mirim, onde ficaram a disposição da Justiça local.

Sejam nossos olhos e ouvidos pelas ruas e povoados de Miranda do Norte, enviem suas denúncias e informações via Instagram: policia_civil_miranda_oficial ou pelo Whaszap (98) 98465-2125. Sua denuncia é recebida diretamente pelo delegado titular e seu anonimato é garantido.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues