Social Icons

quinta-feira, 4 de junho de 2020

Estudo aponta qual é o sintoma mais comum de coronavírus

Blog do Alex Ramos
Por ser uma doença ainda nova na literatura médica, as descobertas ainda estão sendo reveladas enquanto sofremos com a Pandemia do novo coronavírus (Covid-19).

Mas, recentemente, a Organização Mundial da Saúde (OMS) adicionou a lista de sintomas algumas coisas bem peculiares, como a perda de olfato e paladar.
A surpresa veio de um grande estudo realizado com 2013 pacientes de 18 hospitais europeus que apontou que estes sinais podem ser muito mais comuns e alarmantes do que pensavam.
A pesquisa foi publicada na revista científica “Annals of Internal Medicine”, e constatou que 87% dos pacientes estudados perderam o olfato, o sintoma mais comum de coronavírus.
Por outro lado, já para 56% dos afetados pela doença, apontaram a perda do paladar.
Vale salientar que estes pacientes enfrentaram a forma menos grave da doença. Por isso, apenas 8% deles foram hospitalizados e a maioria apresentou sintomas por 11 dias e meio.
Desse modo, quase dois terços (60,9%) dos pacientes recuperaram o olfato em duas semanas.
Por outro lado, o aspecto positivo deste grande estudo é que com estes sintomas detectados logo no início, fica mais fácil tanto para o paciente quanto para os médicos, identificaram o covid-19 para encaminharem para o melhor tratamento.

Sintomas frequentes de Coronavírus

Dessa maneira, confira a lista na ordem dos sintomas mais comuns para o novo coronavírus (Covid-19)
Perda parcial ou total de olfato – 87,2% (sintoma mais comum de coronavírus)
Dor de cabeça – 70,1%
Entupimento nasal – 64,2%
Dores musculares – 61,8%
Coriza – 59%
Tosse – 58,4%
Problemas no paladar – 56,4%
Dor de garganta – 51,6%
Perda de apetite – 47,5%
Gotejamento pós-nasal – 47%
Dificuldade de respirar – 46,2%
Dor no rosto -43,3%
Diarreia e dor abdominal – 42,3%
Febre – 40,6%
Dor nas articulações – 39%
Disfonia – 26,7%
Dor de ouvido – 25,3%
Disfagia – 20,6%
Náusea/vômito- 18,7%
Catarro – 14,4%
Dor no peito – 9,2%
Do jornal Extra Rondônia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues