Social Icons

quinta-feira, 17 de junho de 2021

Nova Honda CG 160 2022 é apresentada com novo visual

 Blog do Alex Ramos

Há anos o veículo mais vendido do Brasil, a Honda CG 160 tem um papel fundamental no mercado brasileiro, sendo utilizada para as mais diversas atividades. Desde transporte diário até serviços profissionais de entrega, o modelo já faz parte da vida de diversas pessoas, direta ou indiretamente. Somente em 2021 até maio, já foram mais de 114 mil unidades comercializadas e a Honda acaba de anunciar mudanças para a linha 2022 da Honda CG 160.

Fabricada no Brasil desde 1976, a Honda CG permanece em sua 9ª geração, lançada em 2015. Com a linha 2022 da CG, a marca comemora 45 anos de produção. A moto continua sendo oferecida nas versões Start, Fan, Titan e Cargo. Todas receberam uma nova moldura para o painel de instrumentos e uma carenagem frontal para o farol repaginada. Fan e Cargo ganharam um tanque com as laterais redesenhadas interna e externamente, enquanto a Titan ainda agrega novas aletas exclusivas na lateral do tanque e rabeta com os lados redesenhados.

A Honda CG 160 Cargo é a única oferecida apenas com a cor branca, as demais versões terão três opções de pintura. As quatro configurações da CG 160 2022 permanecem oferecendo de série partida elétrica, sistema de freios combinados, painel de instrumentos digital, odômetro parcial e marcador de combustível. Fan e Titan ainda agregam conta-giros. As motos renovadas chegarão às lojas em julho.

Rodas, freios e suspensão

Todas as versões trazem rodas de 18 polegadas calçadas por pneus 80/100 na dianteira e 90/90 na traseira. A Titan tem um pneu traseiro um pouco mais largo, 100/80. As rodas são de liga leve para Cargo, Fan e Titan, enquanto a Start tem peças raiadas. A última, enquanto versão mais barata, é a única com freios a tambor de 130 mm em ambas as rodas, enquanto as demais trazem disco de 240 mm na frente e tambor de 130 mm atrás.

O chassi tipo diamante também é o mesmo desde 2015, com o motor fazendo parte da estrutura. A suspensão dianteira manteve o garfo de funções separadas (SFF), onde uma bengala atua como mola e a outra como amortecedor, com 135 mm de curso . A traseira também continua sendo biamortecida com regulagem de pré-carga e 106 mm de curso.

Peso e capacidades

A Honda declara um peso a seco de 115 kg para a CG Start, 116 kg para CG Fan e 117 kg para a CG Titan. A CG Cargo é a mais pesada, com 121 kg, pois traz um bagageiro sobre o assento do garupa capaz de levar até 20 kg. A altura do assento em relação ao solo é de 790 mm para todas. Titan, Fan e Cargo, com motor flex, possuem um tanque de 16,1 litros, enquanto a Start, apenas a gasolina, acomoda 14,6 litros.

Sem alterações na mecânica

Todas as versões da Honda CG 160 2022 permanecem sendo equipadas pelo monocilíndrico de 162,7 cm³ arrefecido a ar, alimentado por injeção eletrônica e com comando de válvulas único no cabeçote. Para a Start, ele roda apenas com gasolina, entregando 14,9 cv de potência a 8.000 rpm e 1,4 kgfm de torque a 7.000 rpm.


Cargo, Fan e Start, todas flex, repetem os números com gasolina, mas, com etanol, sobem para 15,1 cv a 8.000 rpm e 1,54 kgfm a 7.000 rpm. O câmbio é de 5 velocidades para todas as configurações com transmissão final feita por corrente. Nesse caso, o pinhão tem 15 dentes e a coroa tem 44 dentes.

Cores, preços e garantia

As cores disponíveis para a Honda CG 150 Start 2022 são prata (metálico), vermelha e preta; a Cargo é oferecida apenas com pintura branca sólida; para a Fan, são disponibilizadas as cores azul perolizada, vermelha e preta; já a Titan pode vir pintada nas tonalidades cinza metálica, vermelha perolizada e amarela perolizada.


A Honda CG 160 Start 2022 custará R$ 10.520, após aumento de R$ 500. Já a CG Cargo subiu R$ 590, indo a R$ 11.900. A CG Fan sairá por R$ 11.760 (+R$ 560), enquanto a Titan custará R$ 13.040 (+R$ 620). Os valores não incluem frete nem seguro e são válidos para o Distrito Federal. No estado de São Paulo, os valores sobem por conta do ICMS maior. A garantia é de três anos, sem limite de quilometragem, além de contarem com sete trocas de óleo gratuitas.


Fonte: Motor1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues