Social Icons

sábado, 18 de setembro de 2021

Crise: Globo venderá espaço de sua programação estilo “Polishop”

 Blog do Alex Ramos

A Globo sem dúvidas tem passado por sua crise mais delicada. Com a chegada da pandemia e a mudança na forma de manter vínculos com funcionários, a emissora que os especialistas em televisão a chamam de platinada, está cada vez mais sendo rejeitada por artistas, jornalistas e diretores.


De acordo com Ricardo Feltrin, do UOL, a emissora tem enfrentado o pior momento de público, lucro líquido e, pior, de profissionais. Segundo o colunista, o canal antes demitia, agora, funcionários pedem demissão.


O Valor Econômico dá conta de que a emissora tem perdido cada vez mais lucro nos últimos anos. Para se ter uma ideia, em 2020 a empresa fechou uma receita líquida de R$ 12,523 bilhões, ou seja, uma queda de 11% na receita líquida. Em 2019, por sua vez, a platinada fechou em R$ 14,1 bilhões.


O portal Terra também dá conta de que a platinada possui dívidas em sua conta, tendo em vista a desvalorização do dólar em relação ao real.


A crise da TV Globo parece não ser apenas da emissora, mas do grupo todo, em 2020 o grupo abriu mão de sua revista semanal a ÉPOCA. Também o grupo vendeu sua gravadora a Som Livre.


E para tapar um pouco o buraco que ficou, a emissora irá agora vender espaço de sua programação, a informação é do site TV Pop, a emissora aproveitará a Black Friday para rechear a programação com anúncios de atacadistas e varejistas.

Fonte: BPG

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues