Social Icons

terça-feira, 22 de março de 2022

Bebê morre após ser atacada brutalmente por cachorro da família

 Blog do Alex Ramos

Que tragédia... Uma menina de apenas um ano e cinco meses morreu após ser brutalmente atacada por um cachorro. O animal havia sido comprado pelos pais dela há apenas uma semana.

O caso ocorreu em Merseyside, no Noroeste da Inglaterra. Os pais de Bella-Rae Birch chegaram a acionar os serviços de emergência, que a levaram ao hospital, mas a criança não resistiu aos ferimentos.

O cachorro foi morto por policiais de Merseyside, que agora investigam se o animal era de uma raça considerada ilegal, de acordo com a Lei de Cães Perigosos, de 1991. Para isso, eles devem identificar e notificar os donos anteriores do animal.

Vizinhos da família descreveram que a mãe de Bella-Rae Birch, Treysharn Bates, estava "devastada" e que "chorava histericamente" do lado de fora da casa momentos após o terrível ataque.

A Lei de Cães Perigosos foi introduzida há três décadas no Reino Unido, para proibir a criação de certos tipos de cães, como o terrier pitbull americano; o tosa inu japonês, o dogo argentino; e o fila brasileiro. Estas raças eram comumente usadas para rinhas, o que gerou uma série de ocorrências de ataques de cães à população.

As punições para quem cria estes tipos de cachorros vão de multa, sacrifício do animal e à prisão por até 14 anos.

Reprodução metrópoles

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues