Social Icons

quarta-feira, 18 de maio de 2022

Operação prende acusados de rituais com adolescentes, uso de drogas e atos sexuais no Maranhão

 Blog do Alex Ramos

A Superintendência de Polícia Civil do Interior (SPCI) deflagrou a ‘Operação Occultus’ para cumprir dois mandados de prisão temporária, em desfavor de acusados de associação criminosa e três mandados de busca e apreensão domiciliar.

De acordo com a Delegacia de Vitória do Mearim, que contou com apoio operacional do Grupo de Pronto de Emprego (GPE) e da 6º Delegacia Regional de Viana, os investigados são suspeitos de participar de atos de aliciamento de menores de idade, associação criminosa pela prática de diversos crimes. Segundo as investigações, os alvos da operação, cometiam rituais com víeis criminoso coma utilização de drogas, bebidas alcoólicas e  atos sexuais entre os participantes do grupo.

Os presos temporários são investigados pelos crimes de associação criminosa, induzimento ou instigação ao suicídio, charlatanismo, violação sexual mediante fraude, uso compartilhado de drogas ilícitas com menores de idade, servir ou ministrar bebida alcóolica para criança e adolescente, além de outros tipos penais que seguem sendo investigados pela delegacia de polícia civil de Vitória do Mearim.

Foram apreendidos 02 computadores, 02 notebooks, 02 tablets, 11 aparelhos celulares, além de pen-drives, cadernos de anotações e demais provas materiais a serem analisadas pela equipe de investigação da polícia judiciária.

Após os procedimentos de praxe, os presos foram conduzidos até a Unidade Prisional de Ressocialização do município de Viana, onde permanecerão à disposição da justiça e das investigações policiais.


Fonte: JIB

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues