Social Icons

segunda-feira, 27 de março de 2023

Youtuber holandês é processado após ser apontado como pai de mais de 550 crianças

 Blog do Alex Ramos 

Um youtuber holandês foi convocado a se explicar em um tribunal depois de ser acusado de ser pai de mais de 550 filhos através de doação de sêmen. De acordo com o jornal britânico The Mirror, Jonathan Jacob Meijer, de 41 anos, é acusado de enganar centenas de mulheres.


Segundo o veículo, a instituição que coordena o banco de espermatozóides, Donorkind Foundation, levou o caso à Justiça na tentativa de impedir Meijer de doar mais material.


A primeira vez que o influenciador chamou a atenção foi em 2017, quando a Sociedade Holandesa de Obstetrícia e Ginecologia alertou que ele já havia gerado 102 crianças em 10 clínicas diferentes. Mais tarde, Jonathan foi proibido de fazer doações em seu país, mas continuou com o legado no exterior.


“Se eu soubesse que ele já era pai de mais de 100 filhos, nunca o teria escolhido”, disse Eva, uma das mães. “Se eu pensar nas consequências que isso pode ter para o meu filho, fico com o estômago embrulhado. Muitas mães lhe disseram que ele precisava parar, mas nada adiantou. Portanto, ir ao tribunal é a única opção. Tenho que proteger meu filho”, acrescentou.


Eva e a Donorkind Foundation esperam que o processo judicial resulte na destruição do esperma de Meijer que permanece armazenado. “Estamos agindo contra este homem porque o governo nacional não está fazendo nada”, afirmou o presidente da instituição. “Ele tem alcance global via internet e faz negócios com grandes bancos internacionais de esperma”, garantiu o empresário. Atualmente, o criador de conteúdo possui um canal no YouTube com cerca de 4,5 mil inscritos.


Mark de Hek, o advogado da fundação, disse que Meijer quebrou a promessa de não ter mais do que 25 filhos. Recentemente, as autoridades holandesas atualizaram a lei para que os doadores só possam doar sêmen para até 12 mulheres.


Fonte: Uol

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues