Social Icons

quarta-feira, 24 de maio de 2023

Ex-secretária acusa Joice Hasselmann de rachadinha e assédio moral

 Blog do Alex Ramos 

A ex-deputada federal Joice Hasselmann (SP) está sendo acusada de rachadinha e assédio moral por uma ex-assessora.

“A deputada Joice Hasselmann pegava todo o meu salário, inclusive o auxílio creche do meu filho para pagar todas as contas dela e me assediava moralmente”.

A acusação é feita por Juliana Christine Pereira Bejes, que trabalhou como secretária parlamentar para a deputada de abril de 2021 a dezembro do ano passado.

A funcionária, que recebia 13,5 mil reais por mês, afirmou que era obrigada a devolver toda a quantia, o que configura a prática de rachadinha. Segundo ela, a forma usada para devolver o dinheiro era pagando as despesas pessoais da parlamentar e de sua família.

“Eu era obrigada fazer pagamentos diversos pra ela, inclusive de combustível com o meu cartão. A Joice me obrigava também a pagar as contas do marido e as contas da filha dela, incluindo a ração dos gatos da filha dela”, disse Juliana, em entrevista ao UOL.

A ex-funcionária também acusa Joice de assédio moral. À reportagem do UOL ela mostrou mensagens de texto e áudio que teria sido encaminhada pela parlamentar. “Vem você no meio das minhas férias com esse pepino para resolver. Eu consigo tirar uma semana de férias no ano e tem as merdas que vocês deixaram acumular aí durante os meses e agora eu tenho que resolver”, diz Joice em um dos áudios. “É um bando de incompetentes. Numa boa, é um bando de incompetentes.”

Procurada, Joice negou as acusações à reportagem. Em vídeo, a parlamentar disse: “Essa é uma das coisas mais absurdas e mais espúrias que eu já vi na vida”, começa a ex-parlamentar, alegando que sempre lutou contra a corrupção. “Esses canalhas achacadores, ela e o marido dela, tentaram tirar dinheiro de mim depois que eu fui derrotada na eleição. Tentaram me roubar porque forjaram provas falsas contra mim”, disse Joice, que acrescentou que vai denunciar a ex-funcionária à Polícia.

Do UOL 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues