Social Icons

quarta-feira, 2 de março de 2022

Esposa mata o marido com 10 facadas após ele ameaçar matar a enteada grávida

 Blog do Alex Ramos

Cansada de ser agredida e de ser ameaçada de morte, uma mulher de 31 anos, fez justiça com as próprias mãos e matou seu esposo com 10 golpes de facas após uma discussão na residência do casal na cidade de Aripuanã, Mato Grosso. Ele também teria ameaçado de matar a enteada que está gravida que é filha da suspeita.

O crime ocorreu próximo das 2h da madrugada deste domingo no bairro Vila Operária e quando a Polícia Militar e a Polícia Civil chegaram no local dos fatos constataram que na varanda da residência havia o corpo da vítima caído já sem vida, e ao lado uma faca que supostamente foi usada para cometer o crime.

A vítima identificada como Antônio Celso De Lima de 48 anos, sofreu pelo menos 10 golpes na altura do abdômen e tórax e morreu no local. A testemunha, uma jovem de 17 anos, que é filha da suspeita, relatou aos policiais que foi sua mãe, Alice Ferreira De Almeida de 31 anos, que cometeu o crime e logo em seguida fugiu.

Segundo o que a polícia apurou, o casal estava consumindo bebidas alcoólicas e discutindo, e segundo informações da adolescente, a vítima começou a fazer ameaças de morte para ela e sua mãe.

Mais tarde ela disse ainda que foi dormir quando a mãe a chamou pela madrugada e disse que iria matar o padrasto devido temer que ele cumprisse com a as ameaças de matar a suspeita e a filha como também o bebê que estava em sua barriga, reforçando a suspeita que não havia outra escolha, e por volta das 02:00h a testemunha ouviu um barulho, e levantou bastante assustada e ao sair do quarto, viu seu padrasto segurando sua mãe enquanto o atingia com golpes de faca.

Após cometer o crime, a suspeita pediu para que chamasse a polícia e fugiu do local, deixando dito para a filha que se apresentaria a delegacia após o período de flagrante com um advogado para responder pelo crime que havia acabado de cometer.

Outra informação coletada na residência é de que o homem morto sempre espancava a esposa e a ameaçava de morte.

Após o exame de local do crime o corpo da vítima foi levado para o hospital municipal da cidade de Aripuanã para exames e laudo de necropsia, e faca que supostamente foi usada para cometer o crime, foi apreendida e levada para a delegacia municipal de polícia judiciária civil, onde um inquérito foi aberto para investigar o caso.

Por Juina News


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues