Social Icons

sábado, 23 de novembro de 2019

JESUS CONFIRMA FLAMENGO PARA FINAL DA LIBERTADORES E DESPISTA SOBRE FUTURO


Blog do Alex Ramos
 Jorge Jesus e Everton Ribeiro representaram o Flamengo em coletiva antes da final Foto: Twitter/Flamengo
Jorge Jesus deixou transparecer na coletiva do Flamengo antes da final contra o River Plate toda a expectativa para concretizar o sonho de uma nação. Disse estar consciente de que a Libertadores é o principal objetivo do clube e dos seus torcedores e se sente responsável por levar a equipe novamente a essa conquista.
Mas para isso deixou o foco totalmente no jogo deste sábado, e despistou sobre seu futuro. Com vínculo até o meio do ano que vem, o técnico português afirmou que este ainda não é o momento de definir se vai renovar o seu contrato por mais uma ou duas temporadas. E sim de colocar em prática tudo que foi trabalhado nos últimos meses, desde junho, quando chegou.
- O mais importante é esta competição. É o expoente máximo. A partir daqui, terei as mesmas responsabilidades e desafios mais a frente. Seguramente virão troféus como este. Agora não é hora para falar se fico, tenho contrato até junho - disse o Mister.
Jesus confirmou a escalação do Flamengo com força máxima, sem mudanças, de Diego Alves a Arrascaeta, que cedeu lugar a Diego no treinamento desta quinta-feira apenas como um teste para o decorrer da partida. Segundo o treinador, o Flamengo está pronto para encarar o atual campeão, e ignora o discurso de maior experiência nas últimas participações neste competição.
- Quando decidi que íamos vir para o Flamengo, minha comissão e eu estávamos almoçando e eu avisei a eles para arrumar as malas que seríamos finalistas da Libertadores. Vamos encontrar um rival muito forte e com mais experiência. Mas isso não nos assusta. Sabemos nosso valor - avisou.
Confira outras respostas:
Sentimento
Estou sentindo a responsabilidade e o prestígio que tem uma Libertadores. Semelhante a Champions na Europa. Nunca cheguei a final lá, aqui sim. Senti que era uma Nação atrás de um sonho. De torcedores do Flamengo e de todo o Brasil.
Estilo
Nossa forma de trabalhar é sobre a vertente do prazer, de transportar para o jogo qualidade. Vamos tentar fazer isso com nosso rival. E o que pode acontecer numa final é positivo ou negativo. Mas é o que nos move.
Sonho da Libertadores
Meu sonho foi vir a um continente onde tinha a Libertadores e outro objetivo importante, que estamos próximos de atingir (Brasileiro). Tenho noção que dão mais importância a Liberta, mas eu nunca dei. Orgulho ter essa equipe que me permitiu chegar aqui. Claro que eu tenho o desejo de conquistar a Libertadores e uma Champions.
Psicologia da final
O componente emocional está evidente. Dizem que River passou por isso mais de uma vez, e isso deixa mais experiente. Mas não penso dessa maneira. A emoção se trabalha, se treina. O prazer de jogar faz com que a emoção não atrapalhe.
 Do Extra

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues