Social Icons

sábado, 25 de março de 2023

Lula é diagnosticado com pneumonia e adia viagem para a China

 Blog do Alex Ramos

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) foi diagnosticado com pneumonia leve na noite de quinta-feira 23, e vai atrasar o embarque para a China, que estava marcado para a manhã de sábado, 25. Agora, Lula deve viajar para Pequim na manhã de domingo, 26.

Segundo a assessoria do presidente, Lula passou por exames no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, na quinta-feira.

Durante a viagem, Lula se encontrará com o presidente chinês, Xi Jinping, que acaba de voltar de uma visita de Estado à Rússia. Lá, reuniu-se com o líder russo, Vladimir Putin, para discutir uma “parceria abrangente entre os dois países”. A guerra na Ucrânia foi um assunto de segundo plano.

Segundo o Itamaraty, em Pequim, estão previstas reuniões do presidente brasileiro com Xi, com o premiê chinês, Li Qiang, e com o presidente da Assembleia Popular Nacional, Zhao Leji.

Esta será a terceira visita de Estado de Lula à China, após aquelas realizadas em 2004 e 2009, quando o mandatário ainda era Hu Jintao.

“Serão tratados temas da ampla pauta bilateral, incluindo comércio, investimentos, reindustrialização, transição energética, mudança climática e paz e segurança mundial. Em Xangai, o presidente Lula visitará a sede do Novo Banco de Desenvolvimento”, afirmou o Ministério das Relações Exteriores em nota.

Desde que assumiu o cargo em 1º de janeiro, Lula traçou uma agenda diplomática ambiciosa e repleta de viagens internacionais. Ele visitou a Argentina e o Uruguai em janeiro e se reuniu com o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, na Casa Branca, em fevereiro.

Segundo dados do governo, a China é, desde 2009, o maior parceiro comercial do Brasil e uma das principais origens de investimentos em território brasileiro. Em 2022, a corrente de comércio atingiu recorde de US$ 150,5 bilhões.

Em um mundo altamente polarizado, o maior desafio do presidente é se equilibrar de forma pragmática entre as potências, colocando os interesses internacionais em primeiro lugar.

Fonte: Veja 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
 
Luzimar Rodrigues